quinta-feira, 14 de maio de 2015

Token Minds :: Palazzo TMR = New Orbe(Afrika Roots)

A Orbe Afrika Roots remonta às origens de nossos símbolos ancestrais, incrustados no inconsciente de cada brasileiro, seja através do folclore, crenças individuais ou valores que foram incorporados ao dia a dia.
 
O resgate dessas relações arquetípicas propiciou uma jornada própria de descobertas interiores, resultando no amadurecimento de uma proto sabedoria, sendo reforçado por um crescente auto conhecimento.
 
A jornada em questão é um caminho longo, que revelou-se infindável, na verdade. Mas o prazer dessa caminhada faz desse abraço uma feliz escolha. Há várias formas de se enxergar a vida, de olhos fechados, inclusive. Uma delas é a gema preciosa que tento representar simbolicamente nestes textos.
 
Não sou dono da verdade, exceto da minha própria verdade. Dessa, aos trancos e barrancos, tento ser um fiel defensor.

Se uma Orbe representa as distâncias simbólicas entre o ser e o não ser, o Palazzo mostrou-se muito mais abrangente e complexo que a simples parametrização idiossincrática de uma gema. 
As iterações decorrentes nas diferentes Orbes, cada ciclo de realimentação dentro deste escopo, possibilitaram uma sutil percepção das Funções de Transferência entre o Real e o Imaginário, mostrando como é dinâmico o Espaço de Estados deste Palazzo.
Seria pretensioso querer expandir tais relações para um Gaia State Map, dadas as peculiaridades dessas iNterações entre as Orbes. Mas a linearização das Paralaxes, talvez permita uma aproximação com os modelos ancestrais, levando à síntese de um AscentiaStream significativo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário